Notícias Internacionais

Um comunicado de imprensa sobre o “ataque terrorista de Manchester” submetido pela Associação Internacional para a Defesa da Liberdade Religiosa, sede em Berna, Suíça 

Os representantes de 13 países Europeus (Portugal, Espanha, França, Bélgica, Luxemburgo, Alemanha, Suíça, Itália, Áustria, República Checa, Eslováquia, Roménia, Bulgária), num encontro da Associação Internacional para Defesa da Liberdade Religiosa realizado na Universidade de Friedensau, Alemanha, 21-23 Maio 2017, estão hoje em choque e totalmente solidários com Manchester. Embora num país diferente e numa cidade distante de nós, estamos angustiados com o ataque terrorista que teve lugar na noite de 22 de Maio a seguir a um concerto, onde tantos jovens e crianças morreram e muitos ficaram feridos.

Condenamos fortemente tais atos e consideramos sagradas todas as vidas humanas quer em Manchester ou noutra qualquer parte do mundo. Oramos e expressamos compaixão e solidariedade para com o povo Britânico e todas as famílias afetadas. Num encontro onde sustentamos as virtudes da liberdade religiosa, livre expressão e liberdade de escolha, colocamo-nos ao lado destas vítimas e das suas famílias que não tiveram escolha e que foram afetadas por um ato de tamanha violência.

Cremos que os Cristãos, Muçulmanos e apoiantes de todas as outras religiões devem ser pacificadores. Também acreditamos que o diálogo inter-religioso e intercultural, educação e formação no sentido da diversidade, respeito pela dignidade de cada pessoa e proteção da vida e direitos humanos, liberdade religiosa ou crença, liberdade de expressão e compreensão entre seguidores de diferentes religiões, precisa de ser encorajado, e intensamente, em toda a parte do mundo, com o apoio de diferentes intervenientes – p. ex. líderes religiosos, diplomatas, políticos, estudiosos, organizações não-governamentais e meios de comunicação.

Reconhecemos que existe a necessidade de sabedoria e prudência para não confundirmos qualquer religião com certos atos de alguns extremistas face à violência e terrorismo. Oramos, e estamos unidos e solidários com o povo do Reino Unido e de Manchester no apoio à paz mundial. No nosso encontro realizado na Universidade de Friedensau, Alemanha, respeitámos um minuto de silêncio em memória das vítimas do ataque terrorista que aconteceu em Manchester no dia 22 de Maio, 2017.

Ad7 Notícias | Liviu Olteanu, PhD - Secretário-geral da AIDLR